QUANDO VOCÊ ESTÁ SÓ (VENCENDO O TRAUMA DA SOLIDÃO


Texto: APOCALIPSE 1:9

Eu, João, que também sou vosso irmão, e companheiro na aflição, e no reino, e paciência de Jesus Cristo, estava na ilha chamada Patmos, por causa da palavra de Deus, e pelo testemunho de Jesus Cristo. Ap.1.9

COMO DEFINIMOS A SOLIDÃO? UM DOS MALES DA SOCIEDADE PÓS-MODERNA

Solidão é um sentimento no qual uma pessoa sente uma profunda sensação de vazio, isolamento e abandono. A solidão é mais do que o sentimento de querer uma companhia ou querer realizar alguma atividade com outra pessoa, é um sentimento que precisa de algo novo que a transforme.

Questionamos: Ninguém se importa com a nossa vida, com aquilo que somos e fazemos. Um dos males da sociedade moderna que redefine tudo em função da produtividade e esquece do ser humano.

As coisas vão tomando o lugar das pessoas causando cicatrizes profundas na alma
Pesquisas apontam que a solidão pode causar mais males à saúde que obesidade e tabagismo. É um potencial detonador de doenças

A EXPERIÊNCIA DA SOLIDÃO DO APÓSTOLO JOÃO

Ele era o líder da Igreja na região da cidade de Éfeso. Durante a perseguição do imperador romano Domiciano, na década de 90 d.C., ele foi exilado na Ilha de Patmos.

Foi ali, segundo se crê, que ele teria escrito o último livro do Novo Testamento: o Livro do Apocalipse. Uma tradição latina muito antiga informa que ele escapou sem se queimar, depois de ter sido jogado num caldeirão de óleo fervente. Pois foi pego pregando o evangelho. Isso teria acontecido na cidade de Roma.

Na ilha de Patmos: João foi enviado à ilha de Patmos (Ilha Mortal). Pequena ilha rochosa no mar Egeu, a sudeste de Éfeso. Por causa de seu aspecto triste e inóspito, serviu de lugar de detenção para prisioneiros políticos e criminosos. João foi preso por ordem do Imperador Domiciano em 96 d.C

QUARTO LUGARES QUE JAMAIS O CRENTE PENSARIA ENCONTRAR-SE COM DEUS

1.    Deserto – Moisés deve um encontro com Deus no momento do esquecimento

2.    Caverna – Elias deve um encontro com Deus no momento da desistência

3.    Prisão – Paulo e Silas deve um encontro com Deus no momento da angustia

4.    Ilha – João deve um encontro com Deus no momento do abandono

A Ilha do ponto de vista espiritual representa a solidão, isolamento, tristeza, esquecimento, isolamento, amargura e desejo de morte.

Todos os grandes homens e mulheres da bíblia enfrentaram o trauma da solidão: Abraão, José, Ana, Davi, Jeremias Daniel, a mulher do fluxo de sangue etc.

O próprio Cristo afirmou: “eu sozinho pisei no lagar” (Is. 63.3) Cristo no jardim das oliveiras, na hora mais escura do seu ministério transpirou sangue com suor ele teve hematidroseVasodilatação intensa dos capilares, que se rompem em contato com a base de milhões de glândulas sudoríparas. O sangue se mistura com o suor. Mas, uma vez em contato com o ar, o sangue se coagula. Os coágulos assim formados sobre a pele caem em terra, levados pelo abundante suor.

A SOLIDÃO PROVOCADA POR DEUS
Quando Deus leva o crente para uma ilha, isolando de tudo e de todos, é porque há um propósito de fazê-lo entender os seus planos para nós. Deus faz assim para que nós fiquemos totalmente dependente Dele.

A ESPERANÇA DE JOÃO NA ILHA DE PATMOS
Quando ele pensava que não havia mais saída e que o seu fim se aproximava, pois pensava que ali seria o lugar dos seus últimos dias de vida, sem nenhum chance de retorno ao continente. Os rumores sobre a ilha mortal causavam medo e pavor aos prisioneiros.

A MANIFESTAÇÃO SÉTUPLA DE JESUS CRISTO A JOÃO NA ILHA DE PATMOS (AP.1:10-16)
Eu fui arrebatado no Espírito no dia do Senhor, e ouvi detrás de mim uma grande voz, como de trombeta... e no meio dos sete castiças um semelhante ao filho do Homem.
1.    Sua roupa e seu cinto (13) Simboliza Cristo como o cabeça da Igreja

2.    Sua cabeça e cabelo, brancos como a lã branca (14) simboliza sua pureza e eternidade

3.  Seus olhos como chama de fogo (14) Simboliza o discernimento divino penetração profunda

4.    Seus pés e a fornalha (15) Simboliza firmeza do juízo divino

5.   Sua voz e boca (10) Simboliza a voz que proclama o juízo e espada do espírito que executa

6.  Sua destra sete estrelas (16) Simboliza poder e autoridade sobre a sua igreja e os pastores

7.    Seu rosto como o sol (16) simboliza Para o mundo ele é a luz. Para Israel é o sol da justiça e para a igreja é a estrela resplandecente da manhã.

O Jesus do Apocalipse transcende todas as pinturas, esculturas e literaturas de todas as épocas. Elas não podem retratar a revelação da glória sétupla de Cristo o único e verdadeiro pantocrata do céu e da terra.

Todos nós passamos por ilhas da solidão. Mas não ficamos Jesus não nos deixa lá. Cristo tirou João da ilha para revelar a grandeza do último livro. Creiamos que não existe ilha tão tenebrosa e assustadora da solidão que Jesus não possa nos tirar, para revelar sua restauração em nós.

APRENDENDO COM A SOLIDÃO
É na solidão que encaramos nossos medos de frente, temos a oportunidade de refletirmos sobre o valor da vida, da crença, da fé, da confiança.

Fiodor Mikhailovitch Dostoievski, escritor Russo um dos mestres da literatura mundial conhecido pela sua maior obra (crimes e castigos). Preso e condenado à morte – foi salvo para viver em prisão perpétua na Sibéria.

Na véspera de natal de 1849 na bagagem que leva um exemplar do evangelho. Da leitura desse livro. Teve a certeza renovada de que os sofrimentos são o preço necessário da redenção.

Jesus sofreu a dor da solidão e o abandono na cruz do calvário, para nos redimir e nos garantir que estaria conosco todos os dias até a consumação dos séculos. Mt. 28.20
Há hino do Sérgio Lopes  que retrata bem o socorro divino em nossas vidas
(Tente Lembrar)
Quando a gente não esquece o que passou
E não sente forças pra recomeçar.
E reclama com o próprio coração,
Nem dá tempo dele se recuperar.
Bate um desespero com a agonia,
De uma coisa que se acaba de perder,
E perdemos quase sempre as esperanças,
De voltar a ter vontade de viver,
Mas, existe alguém guardando Tua vida,

RECONQUISTANDO A FAMÍLIA



Texto: I Samuel 30. 1-6 e 16-19

SUCEDEU, pois, que, chegando Davi e os seus homens ao terceiro dia a Ziclague, já os amalequitas tinham invadido o sul, e Ziclague, e tinham ferido a Ziclague e a tinham queimado a fogo. E tinham levado cativas as mulheres, e todos os que estavam nela, tanto pequenos como grandes; a ninguém, porém, mataram, tão-somente os levaram consigo, e foram o seu caminho. E Davi e os seus homens chegaram à cidade e eis que estava queimada a fogo, e suas mulheres, seus filhos e suas filhas tinham sido levados cativos.  Então Davi e o povo que se achava com ele alçaram a sua voz, e choraram, até que neles não houve mais forças para chorar. Também as duas mulheres de Davi foram levadas cativas; Ainoã, a jizreelita, e Abigail, a mulher de Nabal, o carmelita. E Davi muito se angustiou, porque o povo falava de apedrejá-lo, porque a alma de todo o povo estava em amargura, cada um por causa dos seus filhos e das suas filhas; todavia Davi se fortaleceu no SENHOR seu Deus. I Sm.30. 1-6
E, descendo, o guiou e eis que estavam espalhados sobre a face de toda a terra, comendo, e bebendo, e dançando, por todo aquele grande despojo que tomaram da terra dos filisteus e da terra de Judá. 
E feriu-os Davi, desde o crepúsculo até à tarde do dia seguinte; nenhum deles escapou, senão só quatrocentos moços que, montados sobre camelos, fugiram. Assim salvou Davi tudo quanto tomaram os amalequitas; também as suas duas mulheres salvou Davi. E ninguém lhes faltou, desde o menor até ao maior, e até os filhos e as filhas; e também desde o despojo até tudo quanto lhes tinham tomado, tudo Davi tornou a trazer
I Sm.30. 16-19


Introdução: Talvez você nunca tenha ouvido falar da cidade de Ziclague ou mesmo não se lembre dessa cidade citada na Bíblia, mas certamente você já passou ou quem sabe está passando por uma situação semelhante a que os moradores de Ziclague viveram nos dias do grande guerreiro Davi.

Eis a situação dos moradores de Ziclague: tristeza, sofrimento, dor, revolta, angústia etc. Eles tinham perdido suas famílias, seus bens e propriedades. O inimigo tinha atacado a sua cidade e roubado tudo o que de mais precioso eles possuíam. Ziclague agora era só cinzas e fumaça no ar e assim era também a alma dos seus moradores.

Mas havia uma esperança e essa esperança estava em Deus e Davi conhecia muito bem esse Deus e poderia clamar por Ele! Davi ora ao Senhor e Senhor lhe disse vá à batalha e ele vai e consegue trazer tudo de volta.

Viver em família é um grande desafio. Administrar emoções, finanças, amor, perdão, sinceridade, respeito etc. É preciso estar com a vida ancorada em Deus.

O sociólogo Alvin Tofler, escreve o livro “o choque do futuro’’. Afirma que no futuro não distante a instituição do casamento e família estará sujeita a pressões sociológicas severas, que afetarão grandemente a família como nos conhecemos. A igreja a sociedade é feita de família.


A difícil tarefa de construir uma família

Para formar uma família leva tempo
Para forjar uma esposa e um marido leva tempo
Para educar um filho leva tempo
Para falar de Deus e aceitar o filho Jesus leva tempo
Para ensinar boas maneiras leva mais tempo ainda
Agora para destruir uma família não leva tempo algum

QUANDO O INIMIGO DESTRÓI AS DEFESAS, SÓ RESTAM PERDAS E DANOS.

O inimigo tocou em 5 áreas vitais da família, por causa da ausência de Davi (emocional)

1 – O INIMIGO TOCOU NAS FINANÇAS (roubaram todas as finanças). A economia se desestabilizou. O dinheiro tem destruído o sossego de muitas famílias, gerando dívidas, empréstimos, sujando o nome no SPC e Serasa. O que é Dívida É Comprar O Que Não Precisamos Com O Dinheiro Que Não Temos Para Impressionar As Pessoas Que Não Conhecemos. A crise financeira mexe com a igreja, o casamento, com os amigos. Dinheiro não une separa.
O dinheiro tem a capacidade de:
Comprar casamento – mas não compra amor
Comprar casa – mas não o lar
Compra cama – mas não compra o sono
Compra segurança – mas não compra proteção
Compra até cargos eclesiásticos – mas não compra unção

2 – O INIMIGO SEPAROU OS CÔNJUGES (prenderam as mulheres 30.2) separando-as fisicamente e emocionalmente. Hoje não é diferente o inimigo investe pesadamente na separação de casais. Há muitos também com aliança no dedo e o divórcio no coração. O diabo sabe que o casamento a família não estão sendo experimentado na sua totalidade. Quando há problemas optam por separação. (Antônio Gilberto diz: se não brigar são doidos). Qual foi a vez que você beijou a sua esposa e os filhos com a alma, colocou em seu colo e disse: qual é o seu sonho, seu desejo? Pense nisso.

3 – O INIMIGO PRENDEU OS FILHOS ( filhos presos) Hoje milhares de filhos estão presos pelas drogas, prostituição, (Augusto Cury – escreve o livro A Maior Prisão do Mundo – escravo de suas emoções). Como você tem educado seus filhos? Sabe orar, agradecer, ler bíblia, reverenciar, ter temor? Creia que Deus Vai Transformar e trazê-lo de Volta.

4 – O INIMIGO TOCOU NA SAÚDE (feriu a cidade). Davi ficou angustiado. Às vezes matamos nossa família com palavras, tem arma maior? Pessoas carregam mágoas profundas no coração – os maiores problemas de saúde se localizam na alma. Depressão, angustia, ansiedade, solidão etc. A maioria dessas doenças só poderá desaparecer se a tratarmos com o perdão – perdoar não é esquecer, é lembrar sem sentir dor. Você consegue?

5 – O INIMIGO CRIOU CONTENDA (os amigos de Davi queriam apedrejá-lo) o Diabo transferiu o campo de batalha, da terra dalém do ribeiro de Besor para Ziclaque. Eles estavam lutando com os inimigos errados. Os verdadeiros inimigos transfere a culpa para nós. (Davi você é incompetente, culpado, irresponsável) O inimigo estavam se banqueteando no campo. É exatamente o que o inimigo faz, cria a contenda e coloca a culpa nos integrantes da família

A REAÇÃO DE UM PAI DE FAMÍLIA

1 – Foi a Luta ( até a onde você estar disposto a lutar pela sua família?)

2 – Davi chorou ( chorou até não ter mais força para chorar -  (4) ). Existem pessoas que choram por tudo, pela novela, filmes, cachorro,  jogo de azar, futebol. Menos pela sua família. Neemias chorou, Jesus chorou,  Mt.5.4 “bem aventurado os que choram, porque eles serão consolados”. (um coração quebrantado Deus ouvirá).

3 – Reanimou-se em Deus. 6 (não se decepcionou com Deus). Mais confiava inteiramente em Deus. Há solução pra todas as perdas e danos dentro do lar basta confiar em Deus. Naum 1.7 O senhor é bom uma fortaleza... Não pense em divorcio, não pense em suicídio, não pense em abandonar, pense em Deus. Deus é o nosso refúgio e fortaleza, socorro bem presente na angústia.
Portanto não temeremos, ainda que a terra se mude, e ainda que os montes se transportem para o meio dos mares. Ainda que as águas rujam e se perturbem, ainda que os montes se abalem pela sua braveza. (Selá.) Há um rio cujas correntes alegram a cidade de Deus, o santuário das moradas do Altíssimo. Deus está no meio dela; não se abalará...
Sl. 46: 1-5

4 – Orou (consultou a Deus). Muitas tomam posição erradas porque não consultou a Deus. Davi pediu orientação a Deus para ir à luta. Não agiu pela emoção, mas pelo espírito. “não siga o seu coração, mas oriente”. Muitos tem Deus mais não consulta.

A RESPOSTA DE DEUS

1 – Muitas pessoas tem experimentada o silêncio de Deus, mas hoje experimentará a sua voz

2 – Deus disse a Davi “persegue-o, porque de fato o alcançarás, e tudo libertarás.” Partiu com um exército de 600 homens. Deus foi com Davi, Deus lhe fez promessa de restituição da família da finança e da saúde.

3 – Deus restaurou a família de Davi. A dor foi grande mas o milagre foi maior. ( Família é projeto de Deus, Ele tem interesse nela) Não existe família perdida para Deus, existe família que ainda não encontrou Deus.

4 – O Reino animal dá um exemplo de família – Leão que vive com dois irmãos...


5 – O texto termina com esperança. I Sm. 30.19 - E ninguém lhes faltou, desde o menor até ao maior, e até os filhos e as filhas; e também desde o despojo até tudo quanto lhes tinham tomado, tudo Davi tornou a trazer.